História

A história da F.V Araujo começa em 1909, quando o senhor Francisco Vieira de Araújo chega à cidade de Irati, no estado do Paraná. Seu primeiro trabalho foi a fabricação de barris para armazenar produtos naturais.

Anos depois a empresa passa a atuar com madeiras serradas de pinho Araucária, vegetação abundante na região naquela época.

Em 1939 o senhor Adhmar Vieira de Araujo, começa a trabalhar com seu pai e anos depois se torna diretor. Durante todos esses anos, a F.V Araujo trabalhou com extração, processamento e venda de madeira Araucária em vários lugares diferentes.

Nos anos 50, a empresa investiu em outros negócios, tais como palitos de fósforo, indústria de cimento, empreendimentos financeiros, vendas de automóveis e transporte nas cidades de Irati, Guarapuava, Inácio Martins, Campina do Simão, Pitanga, Turvo, Fernandes Pinheiros, Teixeira Soares, Prudentópolis e Curitiba, todas no estado do Paraná, Brasil.

Em 1988, a sede da empresa se muda para Curitiba e inicia novas atividades em reflorestamento de madeira de pinho.

Trabalhando com sua própria floresta plantada, com espécies de pinho de taeda e elliottii, a F.V Araujo começa a cortar e a processar a madeira para produzir produtos laminados e serrados.

Além do mercado brasileiro, a empresa começa a exportar produtos para vários países diferentes como, EUA, México, Argentina, Uruguai, Espanha, Itália, Alemanha, Bélgica, Reino Unido, Turquia, Egito, Arábia Saudita, Emirados Árabes, Coréia do Sul e Japão.

Dez anos depois, a F.V Araujo começa um novo programa de expansão no processamento industrial da madeira laminada e serrada, comprando novas máquinas e equipamentos para a fabricação de malhetes, paletes e madeira compensada. Nosso projeto era melhorar e expandir a nossa operação para novos mercados, com melhores produtos.

Após 2001, a empresa investe em novas áreas de floresta para cultivar a nossa capacidade de fornecimento de toras de pinho.

Em 2004, Tunas do Paraná, a empresa inicia uma nova serraria para produzir palletes e molduras, com um contrato de fornecimento de pinho de madeira.

Em 2009, a F.V Araujo desenvolve um projeto com investimento para compensados plastificados.

Hoje a empresa possui três fábricas e três produtos principais: compensados plastificados, palletes e molduras para componentes de casas, as áreas florestais abastecem as fábricas e toras excessivas são vendidas aos produtores locais.